Se há dúvidas sobre cirurgia feminina, solucione-as agora

 Publicado por: Ricardo Kruse

Com o avanço do tempo esse procedimento deixou de ser um tabu, mas ainda desperta dúvidas

A procura pela cirurgia íntima feminina vem crescendo bastante, o que faz com que ela deixe, aos poucos, de ser considerada um tabu. Com esse crescimento e ganho de popularidade, muitas dúvidas aparecem.

 As mais recorrentes são:

  • O que é a cirurgia íntima?

Também conhecida como labioplastia (ou ninfoplastia), tem como principal objetivo corrigir as alterações estéticas que causam desconforto, impactando a autoestima da mulher. O mais importante é proporcionar mais confiança e segurança à paciente.

  • Quais são suas indicações?

Pode tratar alterações nos pequenos lábios, grandes lábios, capuz do clitóris, clitóris de tamanho aumentado, monte púbico, hímen, tratar escurecimento íntimo ou quando há desconforto nas relações sexuais, o procedimento pode ser indicado também.

  • O que pode ser corrigido com o procedimento?

Quando há aumento dos pequenos lábios ou flacidez, perda de preenchimento dos grandes lábios ou excesso de volume, excesso de gordura ou queda do monte de vênus, regiões íntimas escurecidas (grandes lábios, ânus, virilha e períneo), desconforto sexual, reconstrução do hímen, entre outros.

  • Qual a razão das alterações na região íntima feminina?

A idade, alterações hormonais, menopausa, perda de gordura ou aumento brusco de peso, fatores genéticos ou congênitos e gravidez.

  • Quando procurar um profissional?

Se há desconforto e insegurança, a busca pode ser feita e deve ser encarada com normalidade. O médico deve ser profissional e receber naturalmente a situação, deixando a paciente confortável.

  • Toda cirurgia íntima é feita da mesma maneira?

As técnicas vão variar de acordo com cada caso apresentado. O médico especialista avaliará e indicará a melhor maneira de corrigir a alteração. Se necessário, várias técnicas podem ser feitas conjuntamente, proporcionando melhores resultados.

Ainda possui dúvidas? Entre em contato com o Dr. Ricardo Kruse e agende a sua consulta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

+ 77 = 86

Ricardo Kruse | © Todos os direitos resevados
Desenvolvido por &